Tu és... Time de tradição... Raça, amor e paixão... Oh meu Mengo!!! Eu... Sempre te amarei... Onde estiver estarei... Oh meu Mengo!!!

domingo, 20 de agosto de 2017

"Doblete" de Vinicius Junior é destaque na Espanha: "Velocidade e definição"


A imprensa espanhola se animou com a atuação de Vinicius Junior neste sábado. Após os dois gols marcados pelo jovem atacante na vitória do Flamengo por 2 a 0 contra o Atlético-GO, os dois principais jornais de Madrid destacaram o desempenho do futuro jogador do Real Madrid. O jornal “As”, inclusive, acompanhou a partida em tempo real, apenas para seguir os passos da promessa rubro-negra. 

O “Marca” destacou a “velocidade e definição” de Vinicius em seu primeiro “doblete”, termo usado pelos espanhóis quando um jogador faz dois gols em uma mesma partida. O diário descreve os gols do atacante usando as palavras “aceleração incrível” e “sangue frio diante do goleiro” no segundo gol: “dois golaços para seguir enchendo de otimismo ao madridismo de cara para o futuro”, conclui o jornal. 

O “As” acompanhou o jogo em Tempo Real e usou postagens do repórter do GloboEsporte.com, Igor Rodrigues, para registrar o momento no qual Vinicius Junior fez o seu segundo gol. 

Vinicius, de 17 anos, foi negociado pelo Flamengo ao Real Madrid por 45 milhões de euros (cerca de R$ 164 milhões). Ele será do time espanhol a partir de julho de 2018, mas pode seguir no time carioca até 2019. A ida para o Real pode ser antecipada, caso os clubes cheguem a um novo acordo. Em 18 jogos pelo time profissional, dos quais quatro como titular, Vinicius tem três gols. 


O


sábado, 19 de agosto de 2017

FLAMENGO 2 X 0 ATLÉTICO-GO

Ficha técnica


Data/Horário: 18/8/2017, às 19h

Local: Ilha do Urubu, Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Rodolpho Toski Marques (PR)
Auxiliares: Bruno Boschilia e Victor Hugo Imazu dos Santos (Ambos do PR)

Cartões amarelos: Vinicius Júnior, Márcio Araújo (FLA); Andrigo, Igor, Jonathan (ATG)

Público e renda: 7.082 presentes / 5.969 pagantes / R$ 319.740,00

Gols: Vinicius Júnior, 10'/2°T (1-0) e 29'/2°T (2-0)

FLAMENGO: Diego Alves, Pará, Réver, Rhodolfo e Vaz (Renê, intervalo [Rodinei, 25'/2°T]); Márcio Araújo, Arão e Everton Ribeiro; Geuvânio (Diego, 17'/2°T), Vinicius Júnior e Lucas Paquetá. Técnico: Reinaldo Rueda.

ATLÉTICO-GO: Felipe, Jonathan (André Castro, 31'/2°T), Willian Alves, Gilvan e Bruno Pacheco; Paulinho, Igor, Andrigo (Breno Lopes, 34'/2°T) e Jorginho; Diego Rosa (Luiz Fernando, 14'/2°T) e Walter.
Técnico: João Paulo Sanches.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Dicas, experiência e "rédea curta": Lincoln traça caminho para brilhar no Flamengo



Ser promessa de um clube grande como o Flamengo não é mole. Cobrança, expectativa, mais cobrança, mais expectativa, sonhos, planos... Tudo isso vira rotina para centenas de garotos. Um destes garotos rubro-negros é Lincoln, de apenas 16 anos. O centroavante, que já tem uma Copa São Paulo de Futebol Júnior no "currículo", é mais um a sonhar com o profissional. 

Lincoln sabe, porém, que o caminho não é curto - afinal, já está nessa faz tempo. Por isso, tem muito bem definido na sua cabeça de adolescente o que deve fazer para não se perder na caminhada e seguir os passos, por exemplo, do amigo Vinicius Junior, promovido ao profissional do Flamengo e vendido ao Real Madrid.


Lincoln e Vinicius Junior, à direita, dançam e mostram entrosamento na base do Flamengo. Eles são amigos fora de campo (Foto: Gilvan de Souza/Flamengo) 
 Lincoln e Vinicius Junior, à direita, dançam e mostram entrosamento na base do Flamengo. Eles são amigos fora de campo

Ainda tímido, como um garoto de apenas 16 anos que está conhecendo um mundo gigantesco, Lincoln é mais solto em campo e com os companheiros. No dia a dia, entre os treinos do sub-20, ele às vezes é chamado para trabalhar com o profissional e tenta aproveitar a proximidade com jogadores mais experientes para crescer.
– Eles são exemplos. O profissional é o que eu almejo, mas deixo no tempo do técnico e no tempo de Deus que as coisas vão acontecer naturalmente. Quando eu treino lá, tenho bastante liberdade e posso ter a conversa com os jogadores. O Zé Ricardo falava para ficarmos tranquilos que nossa hora vai chegar – disse Lincoln, em entrevista ao GloboEsporte.com.
Enquanto isso, porém, o garoto cresce nas categorias de base do Flamengo. Apesar da pouca idade, ele já disputou uma Copa São Paulo de Futebol Júnior (principal competição júnior, para jogadores de até 20 anos) e já treina com a equipe sub-20 do Rubro-Negro. Durante o papo conosco, Lincoln foi sincero: não acha que fez uma boa Copinha, mas tentou tirar o máximo possível de experiência.

Tanto que, ainda no começo do ano, foi campeão sul-americano sub-17 com a seleção brasileira, marcando cinco gols. 

– Eu evoluí bastante depois da Copa São Paulo. O Sul-Americano foi uma das melhores competições que eu fiz pela Seleção. Fui muito bem, dei assistências, fiz gols... Fiquei satisfeito – explicou. 
 
Lincoln sabe, porém, que as experiências entre base e profissional não são o suficiente. E sua família também sabe. Todo o papo do garoto com o GloboEsporte.com foi acompanhado de perto pelo pai, Josimar. Mas ele é bravo? O centroavante garante que não. Garante, também, que é seu amigo e importantíssimo para que tudo saia como planejado.
– Não é bravo, não. Na hora que tem que ser um pouco, é, mas é bastante tranquilo. Me ajuda muito no dia a dia, conversa comigo, é amigo. É importantíssimo para mim, com tudo - completou, sorridente, olhando para o pai.
O foco de Lincoln agora é o Campeonato Carioca sub-20. O garoto fez o gol do Flamengo na derrota por 2 a 1 para o Vasco na primeira partida da final do estadual, na última quarta-feira. O jogo de volta é na próxima quarta, às 10h, novamente em Bangu. Mas também tem planos para o restante do ano: o principal é o Mundial sub-17, na Índia - ele foi, inclusive, convocado para fase de treinos na Inglaterra, já de olho na competição de outubro.
 – Estou muito feliz por mais essa convocação para a seleção brasileira. É um sentimento de satisfação, uma sensação de que o meu dever vem sendo cumprido no Flamengo. A convocação é consequência de um bom trabalho no dia a dia do clube, e estou podendo desempenhar um bom papel, fazendo gols com a camisa rubro-negra. Sei que o Mundial está chegando, então vou agarrar mais essa oportunidade com todas as forças e dar o meu melhor para representar bem o meu país e retribuir a confiança do treinador.

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

STJD avalia com cautela caso de injúria racial: "Fica na esfera criminal"

Torcedor preso em flagrante por injúria racial responderá em liberdade (Foto: Reprodução) Durante o confronto da semifinal da Copa do Brasil entre Botafogo e Flamengo, no Nilton Santos, o torcedor André Luis Moreira dos Santos foi detido por injúria racial a familiares de Vinicius Júnior. O caso, pouco comum, leva dificuldade à análise inicial do STJD, que avalia com cautela as imagens da partida. Há a chance de uma punição ao Botafogo? Quais podem ser as consequências provenientes de uma denúncia? Tudo é passível de criteriosa avaliação do órgão. 

O procurador-geral do STJD, Felipe Bevilacqua explica a dificuldade na análise do caso, por se tratar de um "confronto" isolado entre torcedores. O que, na teoria, pode descaracterizar a infração prevista no Código Brasileira de Justiça Desportiva. 

- O que o código tem como previsão são manifestações direcionadas à competição. Dentro de um contexto da competição, em que ela (manifestação) seja utilizada ou aproveitada para incitar ou promulgar esses atos. Não efetivamente um "flagra" de dois torcedores que se desentenderam. O que fica apenas na esfera criminal - explica Bevilacqua. 

 O promotor usa como exemplo uma briga isolada entre dois torcedores dentro do estádio. O caso é direcionado à esfera criminal. Bem como injúria racial. Após ser preso em flagrante no jogo, o torcedor recebeu liberdade provisória e cumprirá medidas cautelares. As informações, somadas às imagens, o Superior Tribunal reconhece a ocorrência e fará análise cautelosa antes de abrir denúncia.

Rapidinhas do Mengão

Flamengo  informa: "O atleta Berrío foi reavaliado e iniciou a fisioterapia para tratar a entorse. Segue tratamento em período integral".

Arão lamenta injúria racial contra familiares de Vinicius Junior: "Abominável" 
Volante do Flamengo, em entrevista coletiva nesta quinta-feira, diz que é "até difícil comentar" ato de um torcedor do Botafogo no empate em 0 a 0 pela semi da Copa do Brasil.


Elétrico, preparador do Flamengo agita atletas e arranca risos com intensidade: "Arriba!"

Tranquilo (Descansar)! Listo (pronto)! Ahora (Agora)! Arriba, arriba, arriba (sobe)!!! 

Com muita animação, o preparador físico Carlos Eduardo Velasco roubou a cena em treinamento no Ninho do Urubu. Após coletivo que envolveu atletas que não iniciaram o empate com o Botafogo (0 a 0), Velasco comandou trabalho físico com bola. 

Mostrando conhecimento sobre o grupo a ponto de chamar pelo nome até os mais jovens, como Matheus Savio, por exemplo, gritava muito. Tanta eletricidade arrancou risos de boa parte do grupo.

Velasco comandando treino físico no CT do Flamengo (Foto: Fred Gomes) 

 Incentivo não faltou. Elogiou o camisa 21 com gritos de "Buena, Pará". "Vamos, Gabriel", "Vamos, Savio" e "Arriba, Vinicius" foram outros comandos escutados. Foram cerca de 15 minutos em que aliaram bola e trabalho físico.
 
 Na atividade anterior, o coletivo, a imprensa entrou quase uma hora após início do treino. No período aberto aos jornalistas, Mancuello marcou para o time com colete. O grupo que atuou na equipe titular diante do Botafogo não foi ao gramado, trabalhando na academia do CT.

Após o treinamento, Willian Arão concedeu entrevista coletiva. Ele comentou o estilo de trabalho intenso do novo preparador físico do clube. O volante disse já ter trabalhado com profissionais de metodologia parecida anteriormente. 

- É um jeito diferente, eles têm que se adaptar ao nosso estilo, nós temos que nos adaptar a eles. (...) Já trabalhei com o próprio Fábio Mahseredjian, no Corinthians. O Anderson Paixão, que infelizmente faleceu no acidente com a Chape, era um preparador físico que cobrava muito. Me ajudaram muito. É diferente, mas a gente não está acostumado com esse tipo de cobrança, esse tipo de intensidade - disse Arão.

Torcedor é detido por injúrias raciais a familiares do atacante Vinicius Jr.


Um torcedor do Botafogo foi detido pela PM no Nilton Santos por injúrias raciais a familiares do atacante Vinicius Junior. O acusado acompanhava a partida no Setor Leste Inferior, quando fez ofensas a tios do jogador do Flamengo. 

O torcedor foi identificado pelas vítimas e encaminhados por policias do GEPE para o Jecrim, do Estádio Nilton Santos. Os familiares do jogador estavam em um camarote no Setor Leste. Perto do local, dirigentes do Flamengo acompanharam a cena. 

O ato foi recreminado pelos próprios torcedores do Botafogo presentes na Leste Inferior. Parte da torcida alvinegra cobrou o torcedor detido. 

Por ser detido em flagrante, ele será encaminhado para a Central de Flagrantes e será preso. Outras oito pessoas foram detidas por confusões no estádio, mas serão liberadas. 

Flamengo e Botafogo empataram por 0 a 0, na noite desta quarta, no Nilton Santos. Na próxima semana, os times se decidem no Maracanã uma vaga na decisão da Copa do Brasil. 

O Flamengo usou uma rede social para condenar a manifestação de racismo contra a família de Vinicius Jr.: 'Racismo, aqui, não'.

Ônibus do Flamengo é apedrejado, e confusões marcam pré-jogo tenso no Nilton Santos


Na chegada ao Nilton Santos, o ônibus do Flamengo foi apedrejado. O relato partiu do diretor-executivo do clube, Rodrigo Caetano. O veículo ficou com marcas em uma das laterais. O reflexo da tensão pré-clássico também prejudicou torcedores do Rubro-Negro. Na entrada de visitantes, confusão, gás de pimenta e portões fechados pela PM por longos minutos, o que gerou revolta e deixou muita gente do lado de fora. 

- Lamentável a forma como é fomentado um jogo de futebol, é só vocês observarem como o nosso ônibus ficou - disse o dirigente, sobre o veículo, à Rádio Globo.

Flamengo 0 x 0 bostafogo


Ficha técnica

Data/hora: 16/8/2017, às 21h45

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Árbitro: Anderson Daronco (RS-Fifa)
Assistentes: Rafael da Silva Alves (RS) e Élio Nepomuceno Júnior (RS)

Cartões amarelos: Carli, Matheus Fernandes, Rodrigo Lindoso e Rodrigo Pimpão.

Cartão vermelho: Carli e Alex Muralha.

Renda e público: R$747.825,00/ 26.575 pagantes, ridículo

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Luis Ricardo, Carli, Igor Rabello e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Bruno Silva, Matheus Fernandes e João Paulo; Rodrigo Pimpão  (Guilherme, 21'/2ºT) e Roger (Marcelo, 35'/2ºT) -
Técnico: Jair Ventura.

FLAMENGO: Alex Muralha, Rodinei, Rever, Juan e Renê; Willian Arão e Cuéllar; Berrío (Márcio Araújo, 25'/2ºT), Diego e Everton (Vinícius Júnior, 29'/2ºT, Thiago, 36'/2ºT)); Felipe Vizeu - Técnico: Reinaldo Rueda.

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Fim de jogo, fim do bostafogo


O bostafogo perdeu 2 titulares(Rodrigo Pimpão e Joel Carli) o Flamengo tem a volta de Guerrero. E o goleiro é trocar seis por meia dúzia.

Público e renda: presentes 28.757 / pagantes 26.575 / R$ 747.825,00. O bostafogo pagou para jogar


Botafogo é freguês!


Estatística (até 16/08/2017)

Flamengo   x  
Botafogo 


Jogos: 362

Vitórias do Flamengo 130

Vitórias do Botafogo 114

Empates 118


Gols do Flamengo 551
Gols do Botafogo 508
Maior goleada

C.R. Flamengo 8 x 1 Botafogo (RJ) 

Campeonato Carioca - 2º Turno

15/08/1926

 Estádio: Rua Paysandu - Rio de Janeiro

Time: Amado, Penaforte, Helcio, Favorino, Alfredo, Japonês, Vadinho, Aché, Nonô, Fragoso e Angenor.
Gols: Aché(3), Fragoso(3), Nonô e Vadinho.

Decisões diretas
 
Flamengo campeão

1) Taça da Paz em 1937
2) Campeonato Carioca de 1953
3) Torneio Quadrangular da Argentina de 1953
4) Taça Associação dos Servidores Civis do Brasil de 1974
5) 1º Turno do Campeonato Carioca Especial de 1979
6) 2º Turno do Campeonato Carioca Especial de 1979
7) Campeonato Carioca Especial de 1979 (invicto)
8) Taça Guanabara de 1981
9) Taça Associação dos Cronistas Esportivos do RJ de 1986
10) Taça Rio de 1991
11) Campeonato Brasileiro de 1992
12) Taça Guanabara de 1995
13) Taça Cidade de Juiz de Fora(Troféu Sportv) de 1997
14) Campeonato Carioca 2007
15) Taça Guanabara 2008
16) Campeonato Carioca 2008
17) Taça Rio de 2009
18) Campeonato carioca 2009

Década de 80 ''humilhamos o Botafogo''

C.R. Flamengo 6 x 0 Botafogo (RJ) Campeonato Estadual 08/11/1981
C.R. Flamengo 6 x 1 Botafogo (RJ) Campeonato Brasileiro 24/03/1985



http://colunas.globoesporte.com/files/157/2009/07/6x0-com-paraiba.jpg

Foto: Flamengo 6 x 0 Botafgo em 1981






Rapidinhas do Mengão


Ingressos esgotados para a torcida do Flamengo no engenhão


Com Mancuello e Rodinei de volta, Rueda vai relacionar para estreia contra o Botafogo os atletas abaixo.
Goleiros: Alex Muralha, Thiago
Laterais: Pará, Rodinei, Trauco e Renê
Zagueiros: Réver, Juan, Rafael Vaz e Léo Duarte
Meias: Márcio Araújo, Cuéllar, William Arão, Rômulo, Ronaldo; Diego, Mancuello, Lucas Paquetá, Everton e Gabriel.
Atacantes: Felipe Vizeu, Berrío, Vinicius Junior


Flamengo x bostafogo: 25 mil ingressos vendidos para o jogo de volta no Maracanã